Cueva de Las Manos

O homem e suas marcas, pegadas e registros… O passado dos ancestrais que habitaram a Patagônia há milhares de anos está impresso nas paredes da Cueva de La Manos, uma caverna próxima à cidade de Bajo Caracoles, no Sul da Argentina. Tombado como Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco, o sítio arqueológico preserva artes rupestres sob a forma de 829 mãos, além de figuras humanas, guanacos, emas, patas de onças e desenhos geométricos datados de 1.300 anos.

CuevaManosPeritoMoreno12012017weill0054.JPG

Estudos revelam que os artistas pré-históricos usaram galhos ocos para soprar pigmentos naturais ao redor de suas mãos. A tinta era feita do pigmento extraído do calafate (um fruto patagônico), carvão triturado, seiva vegetal e pedras. Para selar a pintura, foram usados vernizes naturais, como gordura de guanaco misturado à urina. As pinturas se distribuem em um penhasco à beira do Rio Pinturas e, como estão abrigadas do sol e das intempéries por uma imensa rocha no alto do cânion, sobrevivem quase intactas até os dias de hoje. Imperdível!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s