Ristorante Francesco

A belíssima casa da família Barbera, no Centro de Mendoza, deu lugar ao Ristorante Francesco. Móveis, quadros e objetos pessoais foram trocados por mesas, cadeiras e uma adega com impressionantes 3.000 garrafas de vinho de alta gama. Mas um detalhe não mudou: a hospitalidade! Os Barbera recepcionam clientes como velhos amigos e o simpático sommelier Carlos Arias faz as vezes de anfitrião. Tudo cuidadosamente preparado para que o jantar no Ristorante Francesco seja uma viagem pelos melhores pratos da culinária italiana, harmonizado com os finos vinhos argentinos.

O nosso banquete começou com carpaccio de filé mignon com alcaparras, folhas verdes, champignons e queijo parmesão. Como prato principal, provamos duas iguarias italianas: o assaggio de pappardelle com cogumelos (massa de gema de ovo e vinho Malbec com creme de funghi secchi e lâminas de queijo gruyère) e assaggio de pasta Francesco (uma degustação de massas recheadas: lasanha de carne com queijos com molho à bolonhesa, rottolini de ricota e espinafre com creme de leite e capelletti San Martino com creme rosé, champignon, queijo parmesão e salsinha).

E de sobremesa, um verdadeiro deleite. Nero e Bianco (brownie e blondie com mousse de chocolates  branco e amargo) e Cioccolatissimo (degustação de mousse de chocolates branco, amargo e al Grand Marnier).

Querido entre os brasileiros que visitam Mendoza, o Francesco tem o cuidado de oferecer cardápios em português e garçons fluentes na língua. Mais uma prova do carinho com a clientela.

Anúncios

Um comentário sobre “Ristorante Francesco

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s